terça-feira, 19 de maio de 2015

domingo, 29 de março de 2015

Maria Bethânia - Cântico Negro (1982)





Desde a primeira leitura que me apaixonei por este poema, declamado por esta senhora é indiscritível... Tão eu :)